Com recorde de público, Flamengo quer sexta vitória seguida

Time carioca deixou a lanterna e obteve nas últimas rodadas uma série de vitórias com a marca de Vanderlei Luxemburgo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Vanderlei Luxemburgo está de bem com a vida após série de vitórias consecutivas
Site oficial/Divulgação
Vanderlei Luxemburgo está de bem com a vida após série de vitórias consecutivas

O reencontro de dois técnicos que viveram o auge da carreira na seleção brasileira é a principal atração do duelo deste sábado, às 18h30, no estádio do Maracanã, no Rio, entre Flamengo e Grêmio, pela 19.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O time carioca deixou a lanterna e obteve nas últimas rodadas uma série de vitórias com a marca de Vanderlei Luxemburgo. Já o Grêmio ainda não justificou a contratação de Luiz Felipe Scolari, que tenta no clube diminuir o impacto do fracasso do Brasil na Copa do Mundo.

Mais de 52 mil ingressos foram vendidos e o estádio estará lotado, no novo recorde de público da atual edição do Brasileirão. De um lado, a maior parte da torcida vai torcer por um novo triunfo de Luxemburgo. Ele esteve na seleção de 1998 a 2000 e, desde então, nunca escondeu o objetivo de voltar a ser lembrado pela cúpula da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Luxemburgo foi durante vários anos o técnico mais valorizado do futebol brasileiro. Conquistou dezenas de títulos e fez história no Palmeiras, Santos, Corinthians e Cruzeiro, entre outros clubes. Ná última década, porém, perdeu espaço e ficou para trás.

Já Felipão, cujo sucesso está muito ligado também ao Palmeiras e ao Grêmio, desfrutou até meses atrás de seu prestígio, consolidado com o título do Brasil na Copa do Mundo de 2002 e também por uma passagem marcante como treinador da seleção de Portugal. Mas a goleada (7 a 1) imposta pela Alemanha ao anfitrião do Mundial deste ano, em jogo no Mineirão, pela semifinal do Mundial, manchou seu currículo.

Ambos tentam retomar o caminho de vitórias e de reconhecimento. Esbarram no entanto em alguns problemas. O Flamengo sofre com a falta de qualidade de sua equipe, em que pese a reação no campeonato. Enquanto que o Grêmio tem agora que aprender a lidar com a repercussão de sua exclusão da Copa do Brasil por causa de manifestações racistas de alguns de seus torcedores.

Luxemburgo e Felipão mantêm uma relação amistosa e certamente vão se abraçar em campo, momentos antes da partida. Na apresentação ao Grêmio, no final de julho, o ex-técnico da seleção em 2002 e 2014 deixou clara a relação de amizade com o treinador do Flamengo.

“Eu assisti à entrevista do Vanderlei quando assumiu o Flamengo e posso dizer aqui publicamente: Vanderlei, maravilhoso, tua volta foi espetacular. Desde aquele dia - claro que não contra nós - passei a torcer pelo Flamengo e por ti porque te acho um grande treinador e também era momento de voltar. Tem condições, sim, de fazer um bom trabalho”, disse Felipão.

O Flamengo inicia a rodada do Brasileirão em nono lugar, com 25 pontos, três a menos que o Grêmio, o sexto colocado. O time carioca vem de cinco vitórias consecutivas na competição.