Hamilton fatura pole do GP da Itália; Felipe Massa larga em 4º

Piloto inglês deixou para trás o companheiro de Mercedes, o alemão Nico Rosberg, e os pilotos da Williams

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Inglês entrou na pista embalado pelo grande desempenho nos três treinos livres, o último deles realizado neste sábado
FACEBOOK/DIVULGAÇÃO/PÁGINA OFICIAL
Inglês entrou na pista embalado pelo grande desempenho nos três treinos livres, o último deles realizado neste sábado

Piloto mais rápido dos treinos livres, o inglês Lewis Hamilton confirmou a superioridade no Circuito de Monza neste sábado ao obter a pole position do GP da Itália de Fórmula 1. Ele deixou para trás o companheiro de Mercedes, o alemão Nico Rosberg, e os pilotos da Williams, o finlandês Valtteri Bottas e o brasileiro Felipe Massa, que largará da quarta posição no grid.

Hamilton cravou sua 36ª pole na carreira e a quinta da temporada ainda atrás de Rosberg na disputa interna da Mercedes nas classificações. Líder do campeonato, o alemão soma sete poles - o único a desbancar a dupla da Mercedes neste ano nos treinos foi Massa, no grid do GP da Áustria.

O inglês entrou na pista embalado pelo grande desempenho nos três treinos livres, o último deles realizado neste sábado - Rosberg não chegou a registrar tempo na sessão por conta de problemas no câmbio. E, sem correr pela manhã, não conseguiu acompanhar o ritmo de Hamilton.

A dupla chegou a se alternar na ponta desde o Q1, com Rosberg até cravando melhor tempo durante esta sessão, sem exibir o mesmo problema no câmbio. No entanto, Hamilton exibia ligeira superioridade e liderou não apenas o Q1 como também as duas sessões seguintes. O inglês cravou a pole com 1min24s109, à frente do 1min24s383 de Rosberg.

Os carros da Williams foram os que estiveram mais perto da Mercedes durante todo o treino. Massa chegou a superar Bottas no Q1, mas não resistiu ao companheiro no Q2 e no Q3. Bottas vai sair no terceiro posto do grid, por causa do tempo de 1min24s697. O brasileiro ficou próximo: 1min24s865.

A decepção do dia ficou por conta da Ferrari, que corre em casa em Monza. Fernando Alonso, que se destacara na sexta-feira e foi o segundo melhor no terceiro treino livre, começou mal no Q1 ao registrar o 10º tempo e não conseguiu avançar muito na sequência. Obteve o 7º lugar no grid, com 1min25s430.

Seu companheiro Kimi Raikkonen foi ainda pior. O finlandês não conseguiu passar do Q2 e não entrou na briga pela pole. Registrou o 12º tempo, mas vai largar uma posição à frente por causa da punição aplicada ao russo Daniil Kvyat.

O piloto da Toro Rosso perdeu dez posições no grid por ter trocado o motor. Com a troca, ele passou a utilizar a sexta unidade da temporada, o que é vetado pelo novo regulamento técnico da Fórmula 1. Pelas regras, cada piloto só pode utilizar cinco motores por temporada. Assim, caiu do 11º para o 21º lugar do grid.

O GP da Itália será disputada no Circuito de Monza a partir das 9 horas (horário de Brasília) deste domingo.

Confira o grid de largada do GP da Itália:

1º - Lewis Hamilton (ING/Mercedes)

2º - Nico Rosberg (ALE/Mercedes)

3º - Valtteri Bottas (FIN/Williams)

4º - Felipe Massa (BRA/Williams)

5º - Kevin Magnussen (DIN/McLaren)

6º - Jenson Button (ING/McLaren)

7º - Fernando Alonso (ESP/Ferrari)

8º - Sebastian Vettel (ALE/Red Bull)

9º - Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull)

10º - Sergio Perez (MEX/Force India)

11º - Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari)

12º - Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso)

13º - Nico Hülkenberg (ALE/Force India)

14º - Adrian Sutil (ALE/Sauber)

15º - Esteban Gutierrez (MEX/Sauber)

16º - Pastor Maldonado (VEN/Lotus)

17º - Romain Grosjean (FRA/Lotus)

18º - Kamui Kobayashi (JAP/Caterham)

19º - Jules Bianchi (FRA/Marussia)

20º - Max Chilton (ING/Marussia)

21º - Daniil Kvyat (RUS/Toro Rosso)

22º - Marcus Ericsson (SUE/Caterham)

Leia tudo sobre: fórmula 1hamiltonpole positiongp da itália