Romarinho treina, mas não deve enfrentar Criciúma

Negociação em andamento entre Corintians e Criciúma é o empecilho, já que transferência pode ocorrer neste sábado

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Romarinho seguiu entre os titulares durante todos os treinos da semana
Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Romarinho seguiu entre os titulares durante todos os treinos da semana

O atacante Romarinho treinou normalmente na tarde desta sexta-feira, mas não sabe se entrará em campo neste domingo, no jogo contra o Criciúma, pelo Campeonato Brasileiro. O motivo é a negociação que está em andamento entre o Corinthians e o El Jaish, clube do Catar que deseja contratar o jogador.

Existe a possibilidade de que a transferência seja sacramentada neste sábado. Mas ainda que o negócio seja confirmado apenas na segunda-feira, é provável que Romarinho seja preservado diante do Criciúma, para não correr risco de sofrer alguma lesão.

Nesta sexta-feira, Romarinho postou uma foto em uma rede social e deu a entender que realmente está deixando o Corinthians. "Para sempre no meu coração", escreveu ele, destacando a imagem do gol que ele marcou na Bombonera contra o Boca Juniors, no primeiro jogo da final da Libertadores de 2012, que foi decisivo para o título corintiano.

Os valores do negócio são altos. Para contratar Romarinho, o clube do Catar deve pagar cerca de 7,5 milhões de euros, pouco mais de R$ 20 milhões. O Corinthians, no entanto, tem apenas 40% dos direitos econômicos do jogador.

MAIS UM DESFALQUE - O técnico Mano Menezes ganhou mais um problema com a provável venda de Romarinho. Ele vai ter de mexer na escalação para o jogo em Criciúma, mudando a forma de a equipe atuar.

Com Luciano suspenso pelo terceiro cartão amarelo e Guerrero defendo a seleção peruana, o treinador deve adiantar o meia Renato Augusto para formar dupla com Romero no ataque. Assim, o meio seria composto por Ralf, Bruno Henrique, Jadson e Petros.

O atacante Malcom, garoto de 17 anos, ficaria como uma única opção de ataque no banco de reservas. Os outros atacantes do elenco corintiano são todos recém-saídos das categorias de base: Zé Paulo, Pedro Henrique e Guilherme Arana.

Se Romarinho realmente não jogar, o Corinthians deve entrar em campo com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Felipe, Anderson Martins e Fábio Santos; Ralf, Bruno Henrique, Petros e Jadson; Renato Augusto e Romero.