Atacante Obina espera poder manter bom retrospecto contra o Vasco

Jogador costuma regular em confrontos com a equipe carioca e aposta no mando de campo para o América somar mais três pontos

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

Obina é a grande aposta do Coelhão para a temporada 2014
SITE OFICIAL/AMÉRICA
Obina é a grande aposta do Coelhão para a temporada 2014

Considerado um dos principais carrascos do Vasco, o atacante Obina espera na partida deste sábado, na Arena Independência, manter o bom retrospecto contra o time carioca para poder ajudar o América a se firmar no grupo dos quatro primeiros colocados da Série B. “Sempre que eu jogo contra eles costumo marcar meu gols. Foi assim no turno, quando empatamos lá em 1 a 1”, lembrou o centroavante, que é o artilheiro do alviverde na Série B, com seis gols.

Obina não se deixa iludir pelo mau momento do Vasco, que foi goleado por 5 a 0 pelo Avaí na última rodada da Série B, e no meio de semana perdeu de 2 a 1 para o ABC-RN e foi eliminado da Copa do Brasil. “Temos de deixar os problemas deles para eles resolverem. De nossa parte, sabemos que será um jogo complicado, mas nós precisamos vencer para nos mantermos no grupo dos quatro primeiros colocados”, destacou o atacante americano.

Independência. Um dos jogadores que deste o início defenderam a realização da partida contra o Vasco no Independência, Obina destaca a série invicta de sete jogos do clube no Horto como uma das apostas do time para conseguir mais uma vitória em casa. “Nós nos adaptamos melhor ao estádio e conhecemos todos os caminhos para chegar ao gol. Precisamos aproveitar essa situação para superar o Vasco e somar mais três pontos”, ressaltou o atacante.

Para Obina, os sete jogos que o clube vai fazer somente no mês de setembro serão fundamentais para definir o futuro do time na competição. “Agora vai ser jogo em cima de jogo. A nossa meta é emplacar uma sequência de vitórias para colocarmos uma boa vantagem de ponto sobre os nossos adversários e avançarmos na tabela”, destacou o atacante. Em setembro, o Coelho vai atuar em casa contra Vasco, Boa Esporte, Bragantino e Santa Cruz-PE e sai para enfrentar Ceará, Vila Nova-GO e Joinville.  

Leia tudo sobre: ObinacarrascoAméricaVascoIndependênciasequênciacasaG-4