Jogadores se surpreendem com mudança de jogo para o Mineirão

Notícia de que o duelo com o Corinthians, pela Copa do Brasil, será no Gigante da Pampulha foi visto com certa resistência pelos atleticanos

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Luan definiu o placar para o Galo, que agora vai pegar o Corinthians nas quartas de final
DENILTON DIAS / O TEMPO
Luan definiu o placar para o Galo, que agora vai pegar o Corinthians nas quartas de final

Após a vitória sobre o Palmeiras, o técnico Levir Culpi confirmou que o Atlético jogará no Mineirão na primeira partida das quartas de final da Copa do Brasil, contra o Corinthians. A notícia pegou os jogadores de surpresa e nem todos viram essa decisão de forma positiva.

O meia-atacante Luan, por exemplo, prefere atuar no Independência, onde o time está acostumado a atuar e onde a pressão da torcida alvinegra aparenta ser maior, segundo o atleta.

"Acho que nossa força é aqui dentro do Horto, mas se a diretoria tomou essa decisão, vamos jogar. Acho que os jogadores preferem jogar aqui (no Independência), e aqui a torcida apoia muito", declarou o 'maluquinho'.

Isso não quer dizer que Luan não goste de jogar no novo Mineirão, onde o clube abocanhou três títulos - o Mineiro e a Libertadores de 2013, e a Recopa Sul-Americana de 2014.

"A gente já conquistou três título lá. E vamos fazer o nosso melhor. Sabemos que o Corinthians é uma equipe de qualidade. Será um jogo decidido nos detalhes", comentou o avante.

O volante Rafael Carioca, que não atuou no Gigante da Pampulha com a camisa alvinegra ainda, diz que o local da partida é o que menos importa.

"Se o presidente teve essa escolha (de mandar o jogo para o Mineirão), temos que acatar. Nosso time é de muita qualidade e de toque rápido. Acho que o Mineirão nos ajuda nisso, assim como o Independência. Não temos que nos importar onde vamos jogar e sim colocar na cabeça que temos de ganhar em qualquer lugar", ressaltou.

Leia tudo sobre: atleticogaloluanmineiraocorinthianshortoindependenciafutebol