MG disponibiliza apoio especializado

Maria Sueli disse que vai se debruçar pessoalmente no acompanhamento do caso

iG Minas Gerais | Luiza Muzzi |

Secretária adjunta estadual de Educação, Maria Sueli Pires afirmou que a pasta disponibiliza psicólogos e psicopedagogos capacitados para orientar as escolas.  

“Infelizmente, o fenômeno da droga está socialmente difundido em todo o mundo, não abrange só alunos. Mas desde 2011 a gente realiza fóruns de promoção da paz nas escolas, com parceiros institucionais, comunidades, famílias e escolas. Agimos preventivamente, mas a articulação em rede é fundamental”, disse.

Maria Sueli disse que vai se debruçar pessoalmente no acompanhamento do caso.

Contraponto. Alber Fernandes e Silva, diretor da Escola Estadual Três Poderes – onde estuda a adolescente que precisou ser hospitalizada nessa quarta após passar mal na instituição, com suspeita de overdose – defende que assistentes sociais e psicólogos fiquem dentro das escolas, para orientar sobre abordagens mais eficientes aos alunos. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave