A voz da Massa

iG Minas Gerais |

Saudações alvinegras! Rapaz, eu não sei de onde sai tanto problema no time do Galo! Quase um time inteiro de desfalques, inclusive Tardelli, é muito para um time só! Para a decisão contra o Palmeiras, hoje, Levir terá que fazer malabarismos para montar o time que entrará em campo. Ainda bem que nós temos a vantagem aberta no jogo da ida, e o Galo só tem que administrá-la para ir às quartas de final da Copa do Brasil. E prestem atenção, meus amigos: hoje quem precisará entrar em campo junto com o Galo seremos nós, a Massa alvinegra. Teremos que exercer o nosso papel e dar toda força ao nosso time, ser o camisa 12 em campo, levar o nosso apoio incondicional, o nosso grito e a nossa energia para empurrar o Galão. Eu acredito no Galo, eu acredito também na Massa. Vai para cima deles, Galo, e o resto, deixa com a gente!

A voz Celeste Saudações celestes, nação azul. Como escrevo antes do fechamento desta edição, tenho certeza da classificação do Cruzeiro na peleja contra o Santa Rita, mesmo atuando com a equipe alternativa e com as ausências de Everton Ribeiro e de Goulart, que servem à seleção. O próximo adversário é o ABC, e não vamos subestimar nosso oponente. Respeitemos, porém, sigamos firmes rumo ao objetivo, a taça. Mérito seja dado ao nosso comandante Marcelo Oliveira, sempre dando oportunidades e aproveitando nossos atletas, seja pela experiência ou pela juventude e por toda a qualidade que compõe essa brilhante equipe. O Cruzeiro quando encontra dificuldades dá um jeito de contornar a situação, vencendo as adversidades e comprovando, partida após partida, sua supremacia nos gramados. #PorAmorAoCruzeiro. Facebook: Hugão, o Fanático Celeste.

Avacoelhada A participação da torcida americana na arquibancada aumentou a vantagem competitiva do América, no primeiro turno. Na condição de mandante, o Coelhão venceu todos os jogos realizados no Independência e no Mineirão. O incentivo incondicional do torcedor também vai ser fundamental no returno. Sábado, contra o Vasco, o empenho precisa ser ainda maior. Grande oportunidade de transformar a nossa casa em verdadeiro caldeirão verde e preto. A fim de evitar as filas, que se formam minutos antes das partidas, preferencialmente entrar no estádio o mais cedo possível e esquentar o clima do jogo. Incentivar o time de guerreiros desde o aquecimento até o último segundo. Embora a principal concentração dos americanos seja no inferior da Pitangui (Portão 3), os outros setores, inclusive o lado da Ismênia Tunis, também devem ser participativos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave