PMBD diz que não muda campanha

Já o deputado estadual Sávio Souza Cruz (PMDB) respondeu à provocação de Pestana com ironia

iG Minas Gerais | Larissa Veloso |

Para o PMDB, a mudança de estratégia tucana, com ataques diretos à chapa petista não deve mudar a maneira da coligação fazer campanha. “Vamos continuar nossa campanha propositiva, não vamos entrar em provocação de forma nenhuma”, afirmou o candidato a vice-governador na chapa de Fernando Pimentel (PT), Antônio Andrade (PMDB).  

Ele afirmou, inclusive, que o mau desempenho do presidenciável Aécio Neves (PSDB), em terceiro na disputa nacional, não será explorado na campanha ao governo de Minas.

“Isso (a colocação nas pesquisas de intenção de voto) é público, o eleitor sabe a posição de cada candidato. Não vamos ficar entrando nisso”, afirmou o candidato.

Já o deputado estadual Sávio Souza Cruz (PMDB) respondeu à provocação de Pestana com ironia.

“Eu quero prestar minha solidariedade ao PSDB nesse momento de desespero que eles estão vivendo”, declarou. Para o parlamentar, o estopim para a crise na campanha tucana e consequente mudança de estratégia foi a falta de recursos. “O amálgama da aliança (da coligação de 18 partidos) dele (Pimenta) é a grana. Não têm projeto nem aliança verdadeira, mantém uma aliança com base nos recursos. E agora estão faltando”, completou Sávio Souza Cruz. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave