SP começa a vacinar crianças entre um e dois anos contra hepatite A

De acordo com a secretaria de Saúde, 4,7 mil postos já estão aptos a aplicar a dose; O governo paulista pretende imunizar mais de 600 mil crianças

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Meta é distribuir vacinas para 128 mil crianças da capital mineira
DANIEL PROTZNER / O TEMPO
Meta é distribuir vacinas para 128 mil crianças da capital mineira

O governo de São Paulo pretende imunizar mais de 600 mil crianças contra hepatite A na rede pública de saúde. Podem receber a vacina aqueles que tem entre um e dois anos de idade. De acordo com a secretaria de Saúde, 4,7 mil postos já estão aptos a aplicar a dose nas crianças. Os centros médicos funcionam de segunda a sexta-feira, entre 8h e 17h.

A vacina, segundo a pasta, tem eficácia de imunização superior a 95% e foi incluída este ano no calendário básico de vacinação.

A doença

A Hepatite A é uma doença infecciosa causada pelo vírus VHA, e sua principal via de contágio é a fecal-oral, por meio de água e de alimentos contaminados. A doença, habitualmente benigna na infância, tem incidência frequente e precoce na população que vive em locais com más condições de higiene e de saneamento básico.

Na maior parte dos casos, a Hepatite A pode ser inicialmente assintomática. No entanto, ela pode evoluir para quadros mais graves como insuficiência hepática. Os principais sintomas são febre, náuseas, vômito, icterícia (coloração da pele amarelada), urina mais escura e fezes esbranquiçadas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave