Minas busca ser tetra com Cielo

iG Minas Gerais |

A edição deste ano terá a estreia de Cielo nadando pelo Minas na competição, justamente no ano em que a equipe pode ser a primeira a conseguir o tetra consecutivo do José Finkel. O clube é octocampeão e, com o auxílio do técnico australiano Scott Valkers, está bem perto de alcançar o feito.

“Esse tetracampeonato fica mais ou menos em segundo plano. É claro que motiva, mas não é o objetivo. A meta é fazer o melhor com a equipe e nos resultados individuais, que são eliminatórias para o Mundial. Quanto mais atletas a gente tiver, é bom para o clube, é bom para eles, e vem coroar o trabalho feito. Esse resultado (o tetra) vindo, seria muito bom, seria um título inédito para o clube e sua história”, explico o diretor de natação do Minas Tênis Clube, Rochinha. No que depender do entrosamento dos atletas, o grupo está no caminho certo. Com tanta gente – são cerca de 50 nadadores – o intercâmbio de experiências é grande. “Um puxa o outro aqui, os mais novos se espelham muito nos mais velhos. A equipe cresce junta”, explica a nadadora Carol Bergamaschi.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave