Público lota ruas da cidade durante a Virada Cultural

Nos locais de show, para entrar, filas grandes são formadas e pessoas se espalham pela cidade

iG Minas Gerais | LYGIA CALIL |

As ruas do centro da capital mineira estão cheias para ver as várias atrações da segunda Virada Cultural. No parque Municipal, Toquinho se apresentará às 22h30, com a Orquestra Sinfônica Arte Viva de São Paulo, sob regência do Maestro Amilson Godoy.

A fila para entrar no parque dobra o quarteirão. Segundo Guilherme Freitas, não é possível estacionar no centro. Ele teve que parar o carro a seis quarteirões. O parque já está tomado por pessoas, que assistem o show da cantora Marina Machado e aguardam pela apresentação do mestre da Música Popular Brasileira, em turnê de 50 anos de carreira, Toquinho.

O produtor cultural Jeová Guimarães, 69, curte o show de Marina Machado de olho no relógio para correr para a rua Guaicurus, onde espera assistir ao show de Márcio Greyck. Ainda está dividido entre Tom Zé ou Todos os Caetanos do Mundo.

No Palácio das Artes, o Cine Humberto Mauro está lotado para a exibição da trilogia “O Poderoso Chefão”. O primeiro filme começou às 21 horas e o fim do terceiro está previsto para as 6 horas do dia seguinte.

O mecânico carioca Kennedy Mendes, 50, elogia a acessibilidade das atrações da Virada. Cadeirante, ele viu Diogo Nogueira na praça da Estação, curtiu o soul music no palco da praça do teatro no parque Municipal e planeja terminar a noite na rua Guaicurus. "A programação está ótima e de madrugada vai ficar melhor ainda", diz animado.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave