Esforço para acabar com a judicialização

“É muito comum você ver a queixa de falta de medicamento pela inércia do governo do Estado”

iG Minas Gerais | Isabella Lacerda |

Em encontro com representantes do Conselho Regional de Farmácia, nesta sexta, Fernando Pimentel (PT) afirmou que, caso seja eleito, irá tentar reduzir “a judicialização” da saúde em Minas, em especial os casos que envolvem a distribuição de medicamentos. “Isso (briga na Justiça) vai envolver um diálogo muito ativo com o Ministério Público e com o Judiciário. Não podemos ter a todo momento políticas públicas atropeladas por decisões individuais”, avaliou.  

Pimentel ainda acusou o governo de Minas, comandado pelo PSDB, de “não dar conta de criar uma rede de logísticas que coloque medicamentos no interior”. “É muito comum você ver a queixa de falta de medicamento pela inércia do governo do Estado”, disse. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave