Para tentar salvar Pimenta da Veiga, Andrea Neves retorna a Minas

Processo, que começou com a saída de Alexandre Silveira do comando da campanha estadual, tenta fazer candidato tucano reagir e garantir PSDB ao menos no Estado

iG Minas Gerais | Ricardo Correa |

Andrea Neves estava na coordenação da campanha do irmão, Aécio Neves, e agora retorna a Minas para tentar 'salvar' campanha de Pimenta da Veiga
Omar Freire / Imprensa MG
Andrea Neves estava na coordenação da campanha do irmão, Aécio Neves, e agora retorna a Minas para tentar 'salvar' campanha de Pimenta da Veiga

As mudanças na campanha de Pimenta da Veiga, cujo primeiro passo foi relevado com exclusividade pelo blog "Olho Neles", do jornal O TEMPO, na noite de quinta-feira (28), passam pela chegada de dois pesos pesados que até então estavam na campanha de Aécio Neves (PSDB). A reportagem confirmou que Andrea Neves, irmã do senador, e Leo Couto, articulador e homem de confiança de Danilo de Castro, já estão em Minas Gerais para tomar as rédeas do processo. Danilo, por sua vez, foi alçado à condição de coordenador da campanha, para cuidar dos setores estratégicos, como por exemplo a definição de agendas do candidato.

A mudança começou com a saída do deputado federal Alexandre Silveira (PSD), que até então comandava o processo. Ele foi excluído das decisões mais importantes mas, para não ser melindrado com o público externo, foi colocado em uma função financeira no comitê. Fontes ligadas à campanha afirmam, no entanto, que tanto ele quanto o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Nárcio Rodrigues, foram, nas expressões usadas, "varridos" do processo.

A chegada de Andrea e Leo Couto, e a assunção de Danilo de Castro ao comando dos trabalhos têm por objetivo alavancar a candidatura de Pimenta da Veiga que, por não decolar, acaba levando junto votos preciosos que Aécio esperava ter em Minas Gerais.

Com Andrea, Leo Couto e Danilo de Castro dando as cartas, a campanha de Pimenta espera segurar lideranças que estavam dando indícios de abandonotenar o barco. Tudo pelo fato de Pimenta ter estacionado nos 21% de intenção de votos, de acordo com a pesquisa DataTempo divulgada nesta sexta-feira (29), enquanto seu principal concorrente, Fernando Pimentel, está com 34%. Pesa também na decisão o fato de Aécio não estar em situação confortável no nível nacional, com perspectivas de vitória menores hoje do que antes da entrada de Marina Silva na disputa. A ordem na campanha é salvar a lavoura.

Oficialmente, Nárcio Rodrigues nega que tenha perdido funções na campanha e afirma que nem sequer conversou com alguém sobre isso. Alexandre Silveira não atende às ligações da reportagem desde quinta-feira.

Clique aqui para ver o post de quinta-feira sobre a saída de Alexandre Silveira da função.

Leia tudo sobre: Andrea NevesAécio Neveseleições