Homem morre depois de comer chocolate enviado pelos Correios

Outros dois foram internados depois de ingerirem os bombons; a caixa deveria ser entregue à irmã de um dos homens

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Encomenda deveria ser entregue à irmã de um dos homens que comeram os chocolates
Polícia Civil / Divulgação
Encomenda deveria ser entregue à irmã de um dos homens que comeram os chocolates

Um homem morreu depois de comer bombons de uma caixa enviada pelos Correios, nesta sexta-feira (29), na cidade de Erechim, no interior gaúcho. Outras duas pessoas também passaram mal após ingerirem o chocolate. A Polícia Civil apreendeu a caixa de bombons e investigará o caso. As suspeitas são de que os alimentos estavam envenenado.

Segundo as informações do jornal Zero Hora, o mecânico Fabrício Gregori Passarini, de 19 anos, foi até uma agência dos Correiros, buscar a encomenda que estava endereçada para a sua irmã. Ao chegar no seu local de trabalho, o jovem abriu a caixa e dividiu os bombons com um colega, Álvaro Antônio Duarte, e um cliente da oficina mecânica, Josimar Dettio.

Apos ingerirem os bombons, os três começaram a passar mal. Duarte, de 42 anos, precisou ser socorrido por uma ambulância, mas acabou falecendo no caminho para o hospital, depois de sofrer uma parada cardíaca. Os outros dois homens foram internados. Passarini segue em estado grave. Já Dettio está em observação.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave