Carrefour vai adotar no país lojas express

Para Desmartis, é possível que no futuro o Carrefour Express se torne a bandeira mais representativa da companhia em número de lojas

iG Minas Gerais |

Grupo prevê abertura de 20 unidades nos próximos 12 meses
Daniel de Cerqueira/O Tempo
Grupo prevê abertura de 20 unidades nos próximos 12 meses

SÃO PAULO. O Carrefour começa a explorar no Brasil o modelo de loja de proximidade – os chamados minimercados – e espera que essas lojas sejam a maior parte das inaugurações previstas para os próximos 12 meses. A informação foi dada nesta quinta pelo CEO do grupo no Brasil, Charles Desmartis, durante o lançamento da primeira loja brasileira no chamado formato Carrefour Express.

O grupo prevê a abertura de 20 unidades nos próximos 12 meses no país, incluindo diferentes formatos. Atualmente, o Carrefour conta com 143 lojas de sua principal bandeira, entre hipermercados e supermercados, e mais 104 na bandeira Atacadão, de atacado de autosserviço.

Para Desmartis, é possível que no futuro o Carrefour Express se torne a bandeira mais representativa da companhia em número de lojas. A primeira loja de proximidade foi inaugurada na capital paulista, e há mais uma prevista para ser aberta no centro de São Paulo. O executivo afirmou ainda que os próximos lançamentos vão se concentrar na região metropolitana de São Paulo.

Para viabilizar a operação de mercados de pequeno porte, o Carrefour disponibilizou um centro de distribuição em Osasco, na região metropolitana de São Paulo, exclusivamente para atender a bandeira Express, que vai ser estendida a vários pontos do país.

Investimento

Menor. O Carrefour não revelou o total dos investimentos na nova bandeira, mas informou que na primeira loja foram investidos R$ 750 milhões. A área de vendas da loja tem cerca de 250 m².

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave