Motociclista é preso após chutar radares móveis na Cristiano Machado

Durante quatro dias o rapaz de 20 anos danificou dois equipamentos avaliados em R$ 100 mil; agentes da BHTrans também teriam sido ameaçados por ele

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Um motociclista de 20 anos foi preso em flagrante, na manhã desta quinta-feira (28), suspeito de quebrar radares de trânsito e ameaçar funcionários da BHTrans, na avenida Cristiano Machado, no bairro Cidade Nova, na região Nordeste de Belo Horizonte. 

A informação foi divulgada nesta tarde pelo Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG). Segundo a Polícia Civil, uma equipe se deslocou ao local por volta das 10h, após receber um chamado de que um homem teria tentado quebrar um radar e fugiu de moto em alta velocidade. 

Os funcionários ameaçados afirmaram que há quatro dias o rapaz passava em uma moto Honda Biz pelos radares móveis da avenida e o chutava o equipamento, danificando-os. Após levantamentos, os policiais constataram que o jovem, não satisfeito com o ato de vandalismo, retornava ao local para ter certeza de que o radar não estaria mais funcionando. 

Nos vários golpes do vândalo, dois equipamentos acabaram quebrados. O motociclista assumiu ter danificado o radar, avaliado em cerca de R$ 100 mil, e foi autuado por dano ao patrimônio qualificado, ameaça e direção perigosa. 

Ele foi encaminhado ao Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) da Gameleira e teve a  motocicleta e a habilitação apreendidas.

Leia tudo sobre: RADARESVANDALOQUEBRARCHUTARCRISTIANO MACHADORADAR MÓVEL