Um comemora, e outro questiona dado

iG Minas Gerais |

O aumento da vantagem de Fernando Pimentel (PT) em relação ao principal adversário, Pimenta da Veiga (PSDB), na disputa pelo governo de Minas foi minimizado ontem pelas duas campanhas.

Apesar de ter comemorado o resultado da pesquisa Ibope, que mostrou 14 pontos de frente para o petista, Pimentel disse que “é preciso ter humildade”. “Vejo sempre como o retrato de um momento. O Ibope nos deu uma vantagem grande aqui em Minas, fico alegre, mas vejo com humildade”, afirmou.

Lideranças do PT apontam como “positivo” o percentual, já que traz o impacto da propaganda eleitoral na TV, mas afirmam que é preciso “ter pé no chão”.

O lado tucano questiona os números. Trackings diários da campanha, segundo aliados que coordenam a disputa, mostram empate técnico entre Pimenta e Pimentel, e, por isso, a estratégia não muda. Segundo o deputado estadual João Vítor Xavier (PSDB) os números do Ibope são “fantasiosos”. “Este não é o sentimento de rua. Não são as informações que chegam para nós. Temos a perspectiva de virar a eleição em uma semana”, garantiu. Pimenta não se pronunciou sobre o resultado. (IL/LA)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave