Convocado por Dunga, Alex Sandro não treina por lesão

Jogador se machucou na vitória por 2 a 0 sobre o Lille, na última terça, pelo confronto de volta da fase final dos playoffs da Liga dos Campeões

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Clube português informou que Alex Sandro ficou fazendo tratamento para se recuperar de uma mialgia na coxa esquerda
PORTO/SITE OFICIAL/REPRODUÇÃO
Clube português informou que Alex Sandro ficou fazendo tratamento para se recuperar de uma mialgia na coxa esquerda

Convocado pelo técnico Dunga para defender a seleção brasileira nos amistosos contra Colômbia e Equador, respectivamente nos próximos dias 5 e 9 de setembro, nos Estados Unidos, o lateral-esquerdo Alex Sandro ficou fora do treino realizado pelo restante dos seus companheiros de Porto nesta quarta-feira. O jogador se machucou na vitória por 2 a 0 sobre o Lille, na última terça, em Portugal, pelo confronto de volta da fase final dos playoffs classificatórios para a fase de grupos da Liga dos Campeões.

O clube português informou que o brasileiro ficou fazendo tratamento para se recuperar de uma mialgia na coxa esquerda. Por causa da lesão muscular, ele precisou ser substituído já aos 39 minutos do primeiro tempo do duelo diante da equipe francesa.

Com isso, Alex Sandro passou a virar motivo de preocupação para Dunga, pois os atletas convocados terão de se apresentar ao comandante já na próxima segunda-feira. Ele foi um dos quatro laterais chamados pelo treinador para os amistosos em solo norte-americano. Os outros foram Danilo, também do Porto, Maicon da Roma, e Filipe Luís, do Chelsea.

O Porto não informou nesta quarta o tempo previsto de recuperação de Alex Sandro, sendo que o time voltará a treinar na manhã desta quinta, visando o jogo deste domingo, contra o Moreirense, em casa, pela terceira rodada do Campeonato Português.

Garantido na fase de grupos da Liga dos Campeões, o Porto conhecerá os seus adversários do próximo estágio da competição nesta quinta-feira, quando a Uefa sorteará as chaves do torneio. O Porto passou de forma tranquila pelos playoffs finais, pois já havia vencido o Lille por 1 a 0 no jogo de ida do mata-mata, na França, antes de assegurar a sua classificação atuando em casa.