Reféns de assalto na BR-381 são libertados em João Monlevade

Vítimas foram libertadas depois que o carro em que elas estavam bateu em um barranco na rodovia; um dos assaltantes foi preso

iG Minas Gerais | Bruna Carmona |

Dois homens foram feitos reféns durante um assalto na madrugada desta quarta-feira (27), na BR-381, em João Monlevade, na região Central do Estado. Eles foram libertados depois que o carro em que estavam bateu em um barranco na rodovia. As vítimas contaram à Polícia Rodoviária Federal (PRF) que foram rendidas por três assaltantes no KM 348 da BR-381, quando saiam de Belo Horizonte em um caminhão carregado com produtos diversos. Enquanto um dos suspeitos assumiu a direção do veículo, outros dois ordenaram que as vítimas entrasse em um Volkswagen Voyage e seguiram sentido João Monlevade. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), depois do acidente, um dos suspeitos que estava no carro foi preso e o outro fugiu em direção a um matagal. O homem que assumiu a direção do caminhão ainda não foi localizado.

Segundo a corporação, por volta das 2h30, desta quarta-feira, agentes desconfiaram de um Volkswagen Voyage que passou pelo KM 353 da rodovia e deram ordem de parada. O motorista do veículo, no entanto, desobedeceu a ordem e acelerou em cima dos policiais em direção ao perímetro urbano de João Monlevade. Uma equipe da PRF fez o acompanhamento do carro e, durante a perseguição, foi surpreendida por tiros, sendo que um deles atingiu o para-brisas da viatura. Ninguém se feriu.

A caminho do bairro Vera Cruz, o veículo suspeito bateu em um barranco e, neste momento, um dos homens que estava nele fugiu por um matagal. Outras duas pessoas que ficaram dentro do carro foram abordadas pelos policiais e um deles, de 46 anos, contou que tinham sido vítima de um assalto e que um colega dele estava preso no porta-malas. Os policiais, então, libertaram a vítima, que confirmou a história, e prenderam o outro homem que estava dentro do carro, de 28 anos.

Embaixo do assento em que estava o suspeito que fugiu foi encontrado um revólver calibre 38 com cinco cartuchos intactos e um deflagrado. Ao verificar o Cerificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) do veículo os policiais perceberam que o documento apresentava indícios de falsificação e que o veículo teve seus dados identificadores adulterados.

A ocorrência foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil em João Monlevade.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave