Presidente do Villa alega dificuldades financeiras e deixa o cargo

Conselho Deliberativo vai se reunir para tratar do assunto e o primeiro vice-presidente, Aécio Prates, deverá ser efetivado no cargo para cumprir o mandato

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

Alegando dificuldades financeiras, Anísio Clemente Filho, o Anisinho, apresentou ontem sua carta de renúncia ao cargo  de presidente do Villa Nova, de Nova Lima. Junto com ele também está deixando o clube o vice de patrimônio do Leão, Carlos Alberto Boaventura.

Na próxima sexta-feira, o Conselho Deliberativo do Villa Nova vai se reunir para tratar do assunto e o primeiro vice-presidente, Aécio Prates, deverá ser efetivado no cargo para cumprir o mandato, que se encerra no fim deste ano.

O Leão do Bonfim está disputando a Série D do Campeonato Brasileiro e tem poucas chances de conseguir vaga na segunda fase da competição nacional. O Villa Nova é o último colocado do grupo A5.