Transferência de Di Maria para o Manchester United chega ao fim

Jogador torna-se o argentino mais caro a ser envolvido em uma transação entre clubes de futebol

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Divulgação
undefined

A especulação que tomou conta dos bastidores do futebol internacional nos últimos dias, finalmente, se confirmou. O atacante argentino Ángel di Maria acertou sua transferência do Real Madrid para o Manchester United. O valor da transação é de 75 milhões de euros, quantia que quebrou alguns recordes.

O primeiro deles é que o argentino torna-se, agora o quinto jogador mais caro da história, atrás de Gareth Bale, Cristiano Ronaldo, Luis Suárez e James Rodríguez. Ele é o jogador argentino mais caro da história, ultrapassando os 55 milhões de euros que a Lazio pagou ao Parma por Crespo.

Além disso, a transação é a maior já feita por um clube inglês, ultrapassando a transferência de Fernando Torres, comprado pelo Chelsea junto ao Atletico de Madrid.

Não bastando, a venda foi a maior feita por um clube espanhol, superando as vendas de Falcão García e Luis Figo, que foram vendidos por 60 milhões de euros.

Di Maria não escondeu a felicidade ao assinar o novo contrato de cinco anos.

"Estou absolutamente encantado por fazer parte do Manchester United. O período em que eu joguei na Espanha foi muito bom e havia um monte de clubes interessados em mim, mas United é o único pelo qual eu teria deixado o Real Madrid", declara.

Ele aproveitou para elogiar o novo comandante. "Louis van Gaal é um treinador fantástico, com um histórico comprovado de sucesso e eu estou impressionado com a visão e a determinação de todo mundo para levar o clube de volta ao topo, onde ele pertence Agora eu não posso esperar para começar", finaliza.