Ronaldinho pode ser o presente do centenário

No Verdão, R10 ganharia mais um “0” e seria o R100, uma homenagem à data histórica

iG Minas Gerais |

Rumos. Ronaldinho se despediu do Atlético no dia 30 de julho e, desde então, não definiu seu futuro
JOAO GODINHO / O TEMPO
Rumos. Ronaldinho se despediu do Atlético no dia 30 de julho e, desde então, não definiu seu futuro

São Paulo. A negociação entre o meia-atacante Ronaldinho Gaúcho e o Palmeiras avançou no último fim de semana, e o jogador pode ser anunciado nesta terça como presente aos torcedores no dia do centenário do clube. Ronaldinho analisou a proposta, que oferece R$ 200 mil fixos de salário além de adicionais por produtividade, e fez sua contraproposta.

Além de bonificação por metas atingidas e por participação nos jogos, o meia quer um salário fixo maior, 50% dos valores de patrocínio obtidos devido à sua contratação e um percentual, entre 10% e 15%, das rendas das partidas em que atuar.

Além disso, o jogador gostaria de vestir a camisa 100, em alusão à idade do clube. O presidente Paulo Nobre e o vice Maurício Galiotte estão à frente das negociações com o ex-jogador do Atlético, considerado o maestro do time na conquista da Libertadores do ano passado.

Transação. O diretor executivo, José Carlos Brunoro, não está participando diretamente das conversas. A negociação está em andamento, e um possível anúncio pode vir a ser o ponto alto do banquete de aniversário do Palmeiras nesta terça.

Recentemente, o clube admitiu que a contratação foi tentada no início da temporada. O Palmeiras também tentou contratar Ronaldinho em 2011. Mas, no leilão promovido por Assis, irmão e empresário do meia, o Palmeiras foi preterido, juntamente com o Grêmio, pelo Flamengo.

Depois do Flamengo, de onde saiu de forma litigiosa, Ronaldinho foi para o Atlético. No clube mineiro, além da Libertadores, conquistou a Recopa, um Campeonato Mineiro, além do terceiro lugar no Mundial de Clubes. O meia deixou o Galo logo depois da conquista da Recopa no fim de julho.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave