Apesar da vitória, Marcelo Oliveira não gosta de atuação da equipe

Treinador valoriza triunfo, mas também não quer deixar de lado as melhorias que podem ser feitas para os próximos jogos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

GO - BRASILEIRÃO/GOIÁS X CRUZEIRO - ESPORTES - Éverton Ribeiro, do Cruzeiro,  em partida contra o Goiás, válida pela 17ª rodada do   Campeonato Brasileiro, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, neste domingo.    24/08/2014 - Foto: BRUNO SPADA/TRIPÉ FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO
ESTADÃO CONTEÚDO
GO - BRASILEIRÃO/GOIÁS X CRUZEIRO - ESPORTES - Éverton Ribeiro, do Cruzeiro, em partida contra o Goiás, válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, neste domingo. 24/08/2014 - Foto: BRUNO SPADA/TRIPÉ FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

O Cruzeiro venceu o Goiás por 1 a 0, disparou na liderança abrindo sete pontos de vantagem e se  tornou o campeão simbólico do primeiro turno com duas rodadas de antecedência. Porém, o técnico Marcelo Oliveira não quer deixar os erros de lado e já pensa em melhorar o que não ocorreu da forma como ele esperava.

“O jogo foi difícil. O Cruzeiro não jogou como normalmente joga e o Goiás jogou muito. Nós não marcamos bem e isso é explicável pela dificuldade de jogar aqui. Eu nem quis falar muito do campo e do clima com os jogadores. Precisamos correr menos riscos”, disse o treinador.

Agora, a Raposa foca as suas atenções na Copa do Brasil, quando enfrenta o Santa Rita de Alagoas, na próxima quarta-feira, no Mineirão, pelo jogo de ida das oitavas de final.

Leia tudo sobre: CruzeiroRaposaMarcelo Oliveiraatuacao