Carlo Ancelotti anuncia saída de Di María do Real Madrid

"Ele veio aqui para dizer adeus aos companheiros e funcionários do clube", declarou o técnico

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Di Maria treinou com seus companheiros no último sábado, mas esteve ausente no domingo
DIVULGAÇÃO/REAL MADRID/FACEBOOK
Di Maria treinou com seus companheiros no último sábado, mas esteve ausente no domingo

O técnico Carlo Ancelotti anunciou neste domingo a saída do volante Angel Di María do Real Madrid. O treinador não revelou detalhes sobre a transferência do argentino, que é especulado no Manchester United, de acordo com a imprensa inglesa.

"O Di María não treinou conosco hoje. Ele veio aqui para dizer adeus aos companheiros e funcionários do clube", declarou o técnico. "Ainda não é oficial, mas sua transferência está perto de ser confirmada."

Mesmo sem oficialização, Ancelotti já falou como se o volante não pertencesse mais ao Real Madrid. "Somos gratos a ele pelo que fez no clube. Estou muito feliz pelo trabalho que ele fez pelo Real, mas temos a chance de substituí-lo bem", declarou. "A decisão é dele e o clube fez o que podia para mantê-lo aqui. Mas ele pensou de forma diferente, então boa sorte para ele."

Di María era cotado para deixar o clube desde a Copa do Mundo, mesmo depois de ser um dos principais jogadores do Real na temporada passada, quando o clube conquistou a Copa do Rei e o sonhado 10º título da Liga dos Campeões.

Os rumores sobre sua saída aumentaram quando o clube negociou as chegadas do alemão Tony Kroos e do colombiano James Rodríguez, dois dos maiores destaques da Copa. Com os dois reforços, Di María perdeu espaço no time e ficou no banco nas últimas partidas. Sua ida ao Manchester United, do técnico Louis Van Gaal, deve ser oficializada nos próximos dias.

Leia tudo sobre: carlo ancelottidi mariareal madridmanchester united