Confirmado primeiro caso de britânico com ebola em Serra Leoa

Epidemia está assolando principalmente a Libéria, com 576 mortes e 972 casos, o que obrigou autoridades a instaurarem um toque de recolher e colocar em quarentena bairros populosos da capital

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Um cidadão britânico que mora em Serra Leoa foi diagnosticado com ebola, confirmou neste sábado (23) o ministério da Saúde do Reino Unido.

Médicos ingleses estão em Serra Leoa para avaliar se o patrício contaminado está "recebendo a atenção médica adequada" e "se assistência consular está facilitada", afirmou o órgão em nota.

John Watson, do ministério, indicou que o "o risco em geral para cidadãos do Reino Unido continua sendo muito baixo ".

É o primeiro caso de um britânico contaminado pelo vírus, que até agora foi encontrado na Libéria, Serra Leoa, Guiné e Nigéria, e causou 1.350 mortes, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

A epidemia está assolando principalmente a Libéria, com 576 mortes e 972 casos, o que obrigou autoridades a instaurarem um toque de recolher e colocar em quarentena bairros populosos da capital.

O ebola é transmitido por contato direto com fluidos corporais e sangue de pessoas ou animais infectados. A doença causa hemorragias graves sua taxa de mortalidade é de cerca de 90 %. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave