De olho em Marina, Aécio diz que tem 'time mais qualificado'

Aécio disse que tem "um respeito enorme por Marina", mas afirmou que suas propostas são "melhores" e que estará no segundo turno

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Lançando seu programa para a região Nordeste, o candidato a presidente Aécio Neves (PSDB) afirmou neste sábado (23), em Salvador, que "ninguém tem um time mais qualificado para transformar o Brasil". 

Fazendo um contraponto a Marina Silva (PSB), que foi criticada por aliados do tucano como uma candidata sem "densidade" e "preparo", o candidato procurou se colocar como uma opção segura de mudança ao governo petista. A ex-ministra, que assumiu a disputa ao Planalto após a morte de Eduardo Campos, aparece em segundo lugar em intenções de voto, tecnicamente empatada com o tucano, segundo pesquisa Datafolha divulgada esta semana.

"Temos um conjunto de projetos amplamente discutidos com a população que são os melhores para o Brasil. E ninguém tem um time mais qualificado para executá-los para que o Brasil possa sonhar com um futuro melhor", disse o tucano. Ao ser questionado sobre a candidata pessebista, Aécio disse que tem "um respeito enorme por Marina", mas afirmou estar convencido de que suas propostas "são melhores". "Estaremos no segundo turno." Nordeste Par alcançar a meta de chegar ao segundo turno, o tucano iniciou uma ofensiva na região Nordeste, onde a presidente Dilma Rousseff teve uma frente de cerca de 10 milhões de votos no segundo turno de 2010.Para reduzir essa margem, reuniu lideranças da região para lançar o programa "Nordeste Forte", com o qual pretende conquistar parte do eleitorado da região. Centrado em sete eixos, o programa tucano tem foco na infraestrutura, investimento em educação, segurança e novas políticas de assistência social.

O programa prevê ações para cem microrregiões nordestinas -com até 20 cidades-, propondo projetos específicos para cada uma delas. No campo da infraestrutura, o candidato prometeu acelerar obras grandes como a Transnordestina e a Ferrovia Oeste-Leste e asfaltar 100% dos acessos às cidades da região.

Também prometeu dobrar os recursos do Fundeb (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica) para o Nordeste e reduzir os índices de violência em 30% na região. O tucano disse que pretende garantir uma renda mínima de US$ 1,25 diários por família. Contudo, não explicou que que forma vai atingir tal objetivo.

 

Folha Press

Leia tudo sobre: eleiçõescampanhaAécioMarinapresidênciacandidatos