Familiares de Emily, desaparecida há mais de um ano, protestam em BH

Pai da menina cobra novidades na investigação do caso; criança sumiu em Rio Pardo de Minas

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Menina desapareceu em maio deste ano
Arquivo pessoal / Divulgação
Menina desapareceu em maio deste ano

A família paterna da menina Emily Ferrari, que desapareceu há mais de um ano em Rio Pardo de Minas, no Norte do Estado, realizam um protesto na manhã deste sábado (23) na praça Sete, em Belo Horizonte. Eles cobram uma posição da Polícia Civil em relação às investigações do caso.

Segundo o pai da criança, Leandro Campos, eles ainda não tiveram nenhuma informação concreta do paradeiro da criança.

“Queremos saber o que aconteceu com a Emily. Sabemos de um outro caso de desaparecimento em que a família da pessoa que só teve pistas depois que contratou um detetive particular. Será que vamos ter que fazer isso também? A obrigação de investigar o caso é da polícia”, desabafou.

Além da família de Emily, parentes de outras desaparecidas também participam do ato com fotos e cartazes. O protesto, que deve contar com a presença de 100 pessoas, vai acontecer até as 13h.

A assessoria de imprensa da Polícia Civil ficou de tentar contato com o delegado responsável pelo caso.

Relembre

Emily desapareceu no dia 4 de maio de 2013, enquanto brincava na porta de sua casa, na avenida Padre Hoácio Giraldi, em Rio Pardo de Minas. A mãe dela, Tatiany Ferrari, de 29 anos, afirmou que a garota sempre brincava no portão do imóvel.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave