Interpol está à procura da esposa

O alerta serve para manter as autoridades informadas sobre o paradeiro de Larissa, que foi procuradora da República

iG Minas Gerais |

São Paulo. A Interpol do Paraguai emitiu alerta internacional para a localização de Larissa Maria Sacco, 37, mulher do ex-médico Roger Abdelmassih, 70. Até a noite desta sexta, o órgão não havia sido comunicado formalmente da saída de Larissa do país, mas, segundo a polícia local, ela já está no Brasil desde terça-feira, 19, quando o marido foi capturado em Assunção, onde ficou três anos e meio para fugir da cadeia.  

“Ela está desaparecida. Não descartamos que esteja hoje no Brasil ou em qualquer outro lugar”, disse o subchefe da Interpol em Assunção, Francisco Javier Cristaldo Gomez. Segundo ele, o alerta é uma exigência formal em casos como o de Larissa, suspeita de envolvimento na falsificação de documentos que permitiram ao marido viver clandestinamente. O alerta serve para manter as autoridades informadas sobre o paradeiro de Larissa, que foi procuradora da República.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave