Kalil vê Atlético em condições de brigar pelo G-4 e o título

Apesar dos vacilos que o time vem tendo neste Brasileiro, presidente acha que o time só jogou mal contra o Flamengo.

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Dirigente também se mostrou tranquilo quanto à liberação do dinheiro da venda de Bernard
Flickr Atlético/Bruno Cantini
Dirigente também se mostrou tranquilo quanto à liberação do dinheiro da venda de Bernard

Depois do empate em 2 a 2 com o Figueirense e a derrota de virada para o Flamengo, por 2 a 1, ambos fora de casa, o Atlético ficou mais longe do G-4, ocupando agora a zona intermediária do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, o presidente do clube alvinegro, Alexandre Kalil, confia que o time tem tudo para brigar por, no mínimo, uma vaga na Libertadores.

“Eu vou falar a verdade. Para mim, o Atlético jogou mal só contra o Flamengo. Contra o Figueirense, mereceu ganhar o jogo. Estávamos há quatro jogos sem perder. Vamos acabar o ano bacana. Estamos com nariz em pé e queremos mais”, afirmou o mandatário.

O dirigente concorda que o ano do Galo poderia ser bem melhor. No entanto, acredita que o restante de temporada ainda irá render bons frutos à agremiação.

“Ganhamos a Recopa, perdemos o Mineiro, roubado, e saíamos da Libertadores por idiotice do presidente. Mas ainda temos o Brasileiro e a Copa do Brasil, e vamos brigar”, disse.

Contra o Flamengo, além do mau futebol apresentado, foi colocado em xeque a força do elenco atleticano. Metade do time titular não atuou, por problemas de lesão ou suspensão. E aqueles que entraram, não conseguiram dar conta do recado.

Kalil, porém, vê o plantel alvinegro em condições de brigar com qualquer equipe. “Jogamos mal contra o Flamengo e tivemos muitos desfalques. Contratamos o Maicosuel. O Atlético compra e vende, se aparecer coisa boa”, comentou.

Leia tudo sobre: AtleticoGaloAlexandre Kalil