Zoológico de BH receberá investimento de R$ 1,17 milhão para obras

Verba será usada nas melhorias das praça de Mamíferos Brasileiros, e das Aves e na execução da segunda parte das obras de revitalização do Borboletário

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Obras na Fundação Zoo-Botânica
Reprodução / PBH
Obras na Fundação Zoo-Botânica

O Jardim Zoológico da Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte irá passar nos próximos meses por obras de revitalização. A previsão é de que ao todo seja investidos R$ 1,17 milhão em melhorias da praças de Mamíferos Brasileiros, e das Aves e na execução da segunda parte das obras de revitalização do Borboletário.

Todo o trabalho realizado no zoológico da capital, localizado na avenida Otacílio Negrão de Lima, na Pampulha, mineira será supervisionado pela Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap).

As obras tem o objetivo de proporcionar aos animais mais sombra e mais espaço. Além disso, os alambrados de segurança - que separa o público visitante do recinto - serão trocados por taludes. 

A data para o início das obras ainda não foi definida pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH).

Praça de Mamíferos Brasileiros

Conforme informações da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), a praça de Mamíferos tem 18 recintos, que ocupam uma área de 8.949 m². As obras foram divididas em duas etapas, sendo que a primeira delas será a implantação de um recinto misto, que deverá contar com mais de 2.600 m². A segunda etapa será constituída por substituição de tela, pintura nas paredes e muros.

Nesse espaço vivem animais como cachorro-do-mato-vinagre, anta, catitu, tamanduá-bandeira, lobo-guará, capivara, ouriço-cacheiro, tamanduá-mirim, cutia, veado-catingueiro e paca.  

Praça das Aves

Sua estrutura física compreende 52 recintos, inaugurados em 1978, e abriga cerca de 70 espécies nacionais e exóticas, muitas delas ameaçadas de extinção. É o lar de mutuns, ararajubas, arara-piranga, tucanos, harpias, turacos e muitas outras espécies que chamam a atenção pelas cores das plumagens e também pelo porte.

Na primeira será feita uma reforma estrutural dos 42 recintos da área central da praça. Estão previstas também a remoção dos lagos existentes e construção de novos, a construção de banheiros e vestiários masculino e feminino, a retirada dos ninhos de madeira fixados na parede, a melhoria do sistema de ventilação, a readequação geral das redes de esgoto e hidráulica existentes.

Para a segunda etapa estão programadas construção de um bioma de mata atlântica, reforma e demolição de alguns recintos antigos, construção de área de manobra para as emas, além de construção de depósito para acondicionamento de equipamentos e materiais.

Borboletário

Outra novidade dos projetos é a segunda etapa de reforma do Borboletário, com a ampliação do viveiro de exposição das borboletas, que deverá passar de 100 m² para 250 m² e contará com modificação no paisagismo e no circuito de visitação. Atualmente, o Borboletário da Fundação Zoo-Botânica de Belo Horizonte recebe a visita anual de cerca de 20 mil pessoas. Com a reforma, esse número deve aumentar para 60 mil visitantes por ano.  

Endereço 

Avenida Otacílio Negrão de Lima, 8000, Pampulha. 

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave