PSB confirma Marina como candidata

Partido faz coletiva em Brasília para apresentar a chapa, que terá Beto Albuquerque como vice

iG Minas Gerais | Da Redação |

Marina Silva
Reprodução/Marina.org
Marina Silva
O PSB anunciou oficialmente nesta quarta-feira a candidatura de Marina Silva (PSB) à Presidência da República, em substituição a Eduardo Campos, falecido em acidente aéreo no último dia 13. O deputado federal Beto Albuquerque, líder do PSB na Câmara, será o vice.  Na coletiva em que anunciou os dois nomes do partido, o novo presidente nacional da legenda, Roberto Amaral, voltou a lembrar da tragédia que se abateu sobre o grupo liderado por Eduardo Campos, mas exaltou a "sorte" de ter Marina para substituí-lo na candidatura. Com uma fita na lapela, em sinal de luto, Marina Silva prometeu cumprir os compromissos já definidos pelo partido e elogiou a carta recebida do partido. "Recebi de uma forma muito afetuosa uma carta, que eu chamo de carta inventário, na qual o presidente Roberto Amaral me diz qual o significado da luta e da trajetória desse partido e que agora nós, juntos, temos a responsabilidade de ajudá-lo a se erguer após a perda irreparável", diz. O vice na chapa, Beto Albuquerque, falou antes de Marina e iniciou as críticas ao governo federal. "Vamos apresentar a mais singela, a mais honesta proposta de governanta de um partido ferido por escândalo, por corrupção e por péssima entrega de serviços públicos, disse Beto Albuquerque.  

Leia tudo sobre: eleiçãomarinaeleições2014