Japonês de 111 anos é reconhecido como o homem mais velho do mundo

Sakari Momoi é ex-diretor de uma escola e vive em uma residência para idosos em Tóquio; ele recebeu o certificado do livro Guiness nesta quarta-feira (20)

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Reprodução/Guinness World Records
"Quero viver mais uns dois anos", afirmou Sakari Momoi

Um japonês de 111 anos foi reconhecido como o homem mais velho do mundo. Sakari Momoi, que nasceu no dia 5 de fevereiro de 1903, recebeu o certificado do livro Guiness nesta quarta-feira (20).

De acordo com a imprensa local, Momoi tem problemas de audição, mas possui uma ótima saúde e adora ler.

Momoi é ex-diretor de uma escola e vive em uma residência para idosos em Tóquio, onde recebeu a imprensa e fez questão de destacar o desejo de viver ainda mais. "Quero viver mais uns dois anos", afirmou. 

Leia tudo sobre: Guinness World Recordsmais velhojaponêsMundorecordeSakari Momoi