CRFs 230f e 150F 2015

Os modelos Honda do segmento do off-road têm desenho igual à moto de competição CRF 450F

iG Minas Gerais |

Nova CRF 230F 2015
fotos: Honda/divulgação
Nova CRF 230F 2015

A Honda apresentou a CRF 230F e a CRF 150F, modelo 2015, motos para enduro e trilhas, com revitalizações externas. Elas tiveram modificações estéticas nas roupagens plásticas e nas faixas, que imitam, no visual, a importada CRF 450X. Desta forma, as off-road de entrada, têm novo formato mais aerodinâmico do para-lamas dianteiro, das abas de tanque, nos dois modelos, e na carenagem do farol da CRF 230F, completando com faixas que passam uma imagem mais esportiva. Os modelos se destinam para os iniciantes do esporte off-roads ou para adolescentes que participam de provas, além de praticantes de trilhas no fim de semana. A suspensão dianteira conta com garfo telescópico de 240 mm de curso na CRF 230F e 230 mm de curso na CRF 150F. Na traseira, ambas possuem sistema de monoamortecimento Pro-Link. Freios iguais As CRFs 230F e 150F usam como usina de força motores de um cilindro arrefecidos a ar com comprovada durabilidade e baixo custo de manutenção, que é grande atrativo no esporte off-road. Na CRF 150F o motor tem 149,2 cc, com 1,33 kgfm a 6.500 rpm e potência de 14 cv a 8.500 rpm. Na CRF 230F, são 223 cc de cilindrada, com torque de 1,92 kgfm a 6.500 rpm e potência máxima de 19,3 cv a 8.000 rpm. As CRFs têm chassi de berço semiduplo, que proporciona boa rigidez ao conjunto e permite uma pilotagem mais esportiva e aventureira. Os modelos compartilham as mesmas especificações de sistema de freios, com disco dianteiro de 240 mm e a tambor, de 110 mm, na traseira. As motos chegam com a cores vermelha e branca com preço de R$ 11.590 (230F) e R$ 8.990 (150F) em SP.

Ficha Técnica: CRF 230F Motor: monocilíndrico de 223 cc, 2 válvulas e arrefecimento a ar Potência: 19,3 cv a 8.000 rpm Torque: 1,92 kgfm a 6.500 rpm Câmbio: 5 marchas Preço SP: R$ 11.590

Motonotícias * Neste fim de semana há eventos para todos os gostos, de motoencontros até pilotagem livre no Mega Space. Vejam ao lado ou na agenda nacional do site www.jacaremoto.com.br. Os destaques ficam para o encontro de Contagem, no sábado, na praça do fórum, com várias bandas de rock (Banda NAH, Nova Gordini e Cobalto 60 e outras) e recolhimento de brinquedos para as crianças carentes de Crucilândia. * No domingo a festa Dia do Motociclista é na Pampulha ao lado do parque Guanabara. O evento se inicia com o tradicional Motopasseio do Jacaré, que sai da praça da Estação às 10h30, passa pela orla da lagoa da Pampulha e chega ao evento com grande bunizaço. Além do show das bandasTianastácia e Mas 80,haverá palestras educativas, show de acrobacias, direção defensiva e muitos brindes. Avise os amigos! * Os crimes contra os motociclistas são financiados por muitos de nós... As peças de origem duvidosa ou as vendidas em desmanches com características de novas, devem ser comprovadas com notas de compras de motos acidentadas ou em leilões. Nessas condições raramente uma peça ficara como nova. Quem compra sabe (ou desconfia) que pode ser de uma moto roubada. * É assim que se financia e incentiva o roubo e o furto de motos, que têm aumentado a cada dia. Quem compra pela internet peças novas ou seminovas, por um quarto do valor de mercado, também é um patrocinador dos bandidos, que matam por uma moto. * Depois da lei do motoboy, como faz um profissional para motopassear com sua moto de placa vermelha? Parece bobagem, mas há casos de motociclistas notificados por estar passeando com suas motos no fim de semana. Os policiais exigiam o colete refletivo e queriam que a esposa fosse de ônibus, senão caracterizaria serviço de mototáxi indevido, já que era um motoboy. As polícias e os agentes de trânsito devem ser preparados para a fiscalização. * Na nona etapa do Enduro brasileiro e Desafio Fast Brothers, realizado neste final de semana em Honório Bicalho, distrito de Nova Lima (MG), o mineiro Rômulo Bottrel, foi o melhor brasileiro na prova, ficou em segundo na E1, atrás do português Luiz Miguel. O francês Adrien Metge foi o primeiro na E2 e lidera o campeonato. Os irmãos mineiros Rigor Rico e Ripi Galileu da Gas Gas continuam entre os top dez com chances de levar o título nacional. * No Enduro da Independência 2014 a moto oficial é a Honda CRF 230F, que foi utilizada na revisão do trecho de Marina até Vitória (ES), onde será a festa da chegada.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave