Pastor Everaldo estreia criticando aborto e casamento gay

De acordo com a mais recente pesquisa Datafolha, o religioso aparece em quarto lugar na corrida presidencial com 3% das intenções de voto

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O pastor da Assembleia de Deus é autor de diversas frases de efeito e críticas contra a gestão petista
Divugação/PSC
O pastor da Assembleia de Deus é autor de diversas frases de efeito e críticas contra a gestão petista

Em sua estreia na propaganda eleitoral gratuita na televisão nesta terça-feira (19), o candidato à Presidência pelo PSC (Partido Social Cristão), Pastor Everaldo, foi apresentado por outro membro da Assembleia de Deus, o pastor Silas Malafaia.

Em seu programa, Pastor Everaldo defendeu os valores cristãos que serão o mote de seu governo e criticou o aborto e o casamento gay, sem citá-los. O candidato do PSC tem um minuto e dez segundos de propaganda eleitoral.

De acordo com a mais recente pesquisa Datafolha, Pastor Everaldo aparece em quarto lugar na corrida presidencial com 3% das intenções de voto. No programa, Pastor Everaldo disse ser defensor tanto da vida desde sua concepção quanto da definição de família como ela aparece na Constituição.

"Sinto que ninguém aguenta mais essa inversão de valores", afirmou. Entre suas propostas, Everaldo defendeu o Estado mínimo e avisou: "Vou privatizar tudo".

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave