Após três mulheres caírem em escada do Move, local é liberado

Elas teriam se desequilibrado por causa de uma placa solta em um degrau, mas não correm risco de morte após o acidente

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Já está liberada a escada que dá acesso ao Move (nome dado ao BRT, sigla em inglês para transporte rápido por ônibus) na estação São Gabriel, região Nordeste de Belo Horizonte. Na noite dessa segunda-feira (18) três mulheres caíram da escada e ficaram feridas.

Por meio de nota, a BHTrans informou que o local foi interditado após o acidente para o resgate das vítimas. O Samu foi acionado e as mulheres foram levadas para o hospital Risoleta Neves e para a UPA Norte. Nesta terça-feira (19) a escada já está liberada. Há a suspeita de que o acidente tenha sido causado porque uma placa estava mal colocada em um dos degraus.

Jordânia Gonçalves, de 28 anos, foi levada para a UPA Norte, e Denise Duque de Carvalho, de 34 anos, foi levada para o Risoleta Neves, mas já foi liberada da unidade. Já Jane da Silva Santos Pinto, de 35 anos, que também foi para o Risoleta Neves, permanece internada na unidade, mas em estado estável. 

A BHTrans ainda não informou se o problema foi mesmo causado por uma placa solta no degrau, nem as providências tomadas para resolver o problema. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave