Vasco encara o lanterna para tentar assumir a liderança

Adilson Batista fez mistério e não revelou a formação que levará a campo; certo, no entanto, é que o cruzmaltino terá de fazer duas mudanças

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O treinador Adilson Batista conduziu um treino técnico com os jogadores nesta sexta e depois comandou um rachão descontraído.
MARCELO SADIO/ VASCO.COM.BR
O treinador Adilson Batista conduziu um treino técnico com os jogadores nesta sexta e depois comandou um rachão descontraído.

Após um início titubeante, o Vasco parece finalmente ter engrenado na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, a equipe entra em campo no estádio Mané Garrincha, em Brasília, podendo chegar finalmente à liderança da competição. Para isso, terá que superar o lanterna Vila Nova-GO, às 21h50, e torcer por um tropeço do Ceará.

Apesar do bom momento, o técnico Adilson Batista pediu cautela nessa segunda. "Não me acomodo quando estou lá na frente. Continuo com seriedade o trabalho e sempre fico focado nos objetivos. Temos que ter intensidade naquilo que a gente acha importante", disse.

O treinador despistou sobre a equipe que deverá mandar a campo. "Oportunidades nós demos para quase todo mundo. É sempre importante ter essa competitividade. Eu costumo dar esse tipo de oportunidade. Tem muitos jogos ainda, vamos trabalhar jogo a jogo, com calma", declarou, sem confirmar o time.

Mesmo com o mistério, Adilson Batista terá que mexer em pelo menos duas posições, já que o goleiro uruguaio Martin Silva e o zagueiro Rodrigo estão suspensos. A tendência é que eles sejam substituídos por Diogo Silva e Luan, respectivamente.

Leia tudo sobre: vascoencaralanternaassumirpontaserie bbrasileiro