Cemitério vira ponto de peregrinação de admiradores de Eduardo Campos

Admiradores levaram flores, bandeiras, camisetas, chapéus de palha e páginas de jornal em homenagem ao político morto na quarta-feira (13)

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

PE - EDUARDO CAMPOS/ ENTERRO - POLÍTICA - A viúva Renata Campos (e) e filhos no enterro do ex-governador Eduardo Campos no Cemitério de Santo Amaro, em Recife(PE), neste domingo(17).    17/08/2014 - Foto: MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO CONTEÚDO
ESTADÃO CONTEÚDO
PE - EDUARDO CAMPOS/ ENTERRO - POLÍTICA - A viúva Renata Campos (e) e filhos no enterro do ex-governador Eduardo Campos no Cemitério de Santo Amaro, em Recife(PE), neste domingo(17). 17/08/2014 - Foto: MÁRCIO FERNANDES/ESTADÃO CONTEÚDO

O túmulo do ex-governador Eduardo Campos no cemitério Santo Amaro, no Recife (PE), já era destino de visitas na manhã desta segunda-feira (18).

Admiradores levaram flores, bandeiras, camisetas, chapéus de palha e páginas de jornal em homenagem ao político morto na quarta-feira (13) num acidente aéreo em Santos (SP) que deixou outras seis vítimas.

Temendo a multidão formada desde as primeiras horas do velório no domingo (17), a professora Lúcia Cordeiro, 67, reservou a manhã para se despedir do político, a quem chamava de "meu menino dos olhos azuis".

"Vim fazer uma reza para ele. Para que fique em paz nesta nova etapa do seu espírito", disse. Apesar da simpatia por Campos, Lúcia diz que estava decidida a anular o voto neste ano por desencanto com a política. Agora afirma que mudou de ideia e votará em Marina Silva, vice de Campos que deverá assumir a cabeça da chapa nesta quarta-feira (20).

Segundo ela, será uma forma de promover uma "última homenagem" a Campos.

Também no cemitério na manhã desta segunda, o segurança Manoel Esteu, 54, disse visitar a cada dois meses o túmulo de Miguel Arraes (1916-2005), avô de Campos. Afirmou que agorá também levará flores em homenagem ao neto -os dois túmulos estão no mesmo jazigo.

"Já comprava flores para Arraes e agora vou passar a comprar para Eduardo também. É o mínimo que posso fazer por quem fez tanto por a gente", disse Esteu.

O aumento do fluxo de pessoas no cemitério Santo Amaro na manhã desta segunda-feira fez aumentar também a quantidade de táxis no entorno do cemitério.

"Tem muita gente pedindo para vir para cá hoje", disse o taxista Ronaldo Leão.

O túmulo do jornalista Carlos Percol, assessor de Eduardo Campos morto no acidente e que cujo corpo também foi enterrado no cemitério Santo Amaro, também recebeu flores e visitas nesta segunda-feira.

DANOS

A multidão que foi se despedir de Campos no domingo provocou sujeira e alguns danos a lápides, observados durante o enterro do ex-governador.

Muitas pessoas subiram nos jazigos para acompanhar a cerimônia e a queima de fogos que ocorreu durante o sepultamento.

O administrador dos cemitérios do Recife, Petros Tejo, disse que uma vistoria irá verificar possíveis danos, mas que não há registro de prejuízos até o momento.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave