Atual campeão, Nadal anuncia que está fora do US Open

Tenista espanhol desistiu de disputar a competição em Nova York por não ter conseguido se recuperar totalmente

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Para Nadal, Federer apenas vive uma má fase e deve retomar seu melhor tênis em breve
Divulgação/Nike
Para Nadal, Federer apenas vive uma má fase e deve retomar seu melhor tênis em breve

Rafael Nadal anunciou, nesta segunda-feira, que não poderá jogar o US Open, Grand Slam que ele conquistou no ano passado e cuja edição de 2014 está marcada para começar daqui uma semana. O tenista espanhol desistiu de disputar a competição em Nova York por não ter conseguido se recuperar totalmente de uma lesão no seu pulso direito.

Por meio de sua página no Twitter, o atual vice-líder do ranking mundial lamentou o fato de não poder jogar nos Estados Unidos. Ele lesionou o pulso durante um treino no mês passado e por causa do problema acabou ficando fora dos Masters 1000 de Toronto e de Cincinnati, este encerrado no último domingo.

"Sinto anunciar que não poderei participar do US Open, torneio em que nos últimos anos tivemos muitos bons resultados, onde joguei três finais consecutivas nas minhas últimas três participações. Tenho certeza de que vocês entenderão que é um momento duro para mim, porque é um torneio que eu adoro e do qual tenho grandes lembranças dos fãs, dos jogos à noite, de tantas coisas", afirmou Nadal, para depois completar: "Não há muito mais que eu possa fazer agora que não seja aceitar a situação e, como sempre acontece no meu caso, trabalhar duro para estar preparado para competir no mais alto nível quando voltar a jogar".

O espanhol de 27 anos se machucou no último dia 29 de julho, quando treinava em Mallorca, sua terra natal, onde se preparava para a temporada de quadra dura da América do Norte no circuito profissional. No dia seguinte à lesão, o tenista disse que conversou com médicos, que estabeleceram uma previsão de duas a três semanas de afastamento, fato que inicialmente lhe dava a esperança de poder jogar o US Open. Nesta segunda-feira, porém, ele acabou confirmando que não conseguiu se recuperar a tempo de poder atuar de forma competitiva em Nova York.

Essa é apenas a quarta vez na Era Aberta do tênis, que começou em 1968, que o atual campeão do torneio masculino do US Open não disputa a edição seguinte da competição. Anteriormente, isso ocorreu com Ken Rosewall em 1971, Pete Sampras em 2003 e Juan Martín del Potro em 2010.

Embora seja canhoto, o que teoricamente poderia possibilitar sua presença em quadra no US Open, Nadal costuma usar as duas mãos para executar o seu backhand, fato que exige muito do seu pulso lesionado.

Fora deste próximo US Open, o espanhol foi campeão do Grand Slam norte-americano em 2013 e 2010, nas duas ocasiões derrotando Novak Djokovic na final. Já em 2011, o sérvio superou o rival na decisão em Nova York, sendo que em 2012 o atual tenista número 2 do mundo não jogou o importante torneio porque estava afastado do circuito profissional para tratar de uma lesão no joelho esquerdo.

Leia tudo sobre: tenisnadalforaus opendisputa