Tonturas teriam tirado Valdívia de clássico

Chileno ficou menos de 20 minutos em campo em partida disputada nessa tarde

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Valdivia não poupou palavras em sua coletiva nesta sexta-feira
ESTADÃO CONTEÚDO
Valdivia não poupou palavras em sua coletiva nesta sexta-feira

O meia Valdivia foi substituído aos 18 minutos do primeiro tempo do clássico, entre Palmeiras e São Paulo, neste domingo, porque sentiu tontura no Pacaembu. A afirmação é do médico do Palmeiras Otávio Vilhena. Segundo ele, o jogador será submetido a exames depois do jogo.

"O Valdivia confirmou (no vestiário) que o que fez ele sair foi tontura. Ele disse que está com dores musculares, mas nenhuma dor específica que tenha motivado sua saída", afirmou o médico no intervalo do jogo.

Vilhena disse que Valdivia, na quarta-feira, sofreu um choque no treino que pegou o nariz e olho. O lance que tirou Valdivia do clássico aconteceu aos 13 minutos do primeiro tempo.

Imagens da televisão, no entanto, mostram que no momento do lance Valdivia coloca a mão na coxa direita no momento que divide a bola com o são-paulino Kaká. O clássico marcou o retorno do chileno ao Palmeiras depois da negociação frustrada com o futebol árabe. Enquanto esteve em campo, ele foi o melhor jogador do time no clássico.

Leia tudo sobre: Valdívia