Em casa, Sport tenta reencontrar caminho das vitórias

Depois de bom início no campeonato, Leão da Ilha freou o ímpeto e já está há dois jogos sem vencer

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

PE - BRASILEIRÃO/SPORT X ATLÉTICO-MG - ESPORTES - Emerson Conceicao (D), do Atletico Mineiro, disputa lance com Felipe Azevedo, do Sport,   em partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Ilha do Retiro, no   Recife, neste domingo.    27/07/2014 - Foto: CARLOS EZEQUIEL VANNONI/Agência JCM/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
ESTADÃO CONTEÚDO
PE - BRASILEIRÃO/SPORT X ATLÉTICO-MG - ESPORTES - Emerson Conceicao (D), do Atletico Mineiro, disputa lance com Felipe Azevedo, do Sport, em partida válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Estádio Ilha do Retiro, no Recife, neste domingo. 27/07/2014 - Foto: CARLOS EZEQUIEL VANNONI/Agência JCM/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Depois de duas derrotas seguidas fora de casa, para Figueirense e Flamengo, o Sport se distanciou um pouco do G4 do Brasileirão. Mas ainda está bem posicionado com 21 pontos, apostando numa recuperação neste domingo, quando recebe o Atlético-PR, a partir das 18h30, na Ilha do Retiro, no Recife, pela 15ª rodada do campeonato.

Apesar do clima triste que tomou conta de Pernambuco, e de todo o Brasil, após a morte do ex-governador Eduardo Campos na quarta-feira, a torcida do Sport teve motivos para comemorar nos últimos dias, com a chegada de dois reforços badalados: os meias Ibson e Diego Souza. Mas ambos ainda não têm condições de jogo.

Mesmo ainda sem poder contar com os dois reforços, o técnico Eduardo Baptista resolveu adotar uma formação mais ofensiva para enfrentar o Atlético-PR e retomar o caminho das vitórias. Assim, optou colocar o meia-atacante Érico Júnior no lugar do volante Ronaldo, com o objetivo de se aproximar de Neto Baiano no ataque.

Assim como Érico Júnior, outro jovem formado na base está confirmado na escalação do Sport. É o zagueiro Oswaldo, que entra no lugar do contundido Ewerton Páscoa. "Eduardo sempre olhou muito para a base e isso deixa a gente muito motivado, porque sabemos que a oportunidade vai aparecer", disse o garoto de 21 anos.  

Leia tudo sobre: sportatletico-prfutebolcampeonato brasileiro