Questão de costume

No ar em “Império”, atual folhetim das nove da Globo, Erom Cordeiro estreita laços com a televisão brasileira

iG Minas Gerais | caroline borges |

Dedicação. Oriundo do teatro, Erom vem se dedicando à TV com mais afinco nos últimos anos
CZN
Dedicação. Oriundo do teatro, Erom vem se dedicando à TV com mais afinco nos últimos anos

O tempo e a prática foram os principais aliados de Erom Cordeiro na TV. Cria do teatro, o ator soube amenizar as ansiedades iniciais da carreira até conquistar o conforto necessário para atuar no veículo. E é na pele do polido Fernando, de “Império”, que o alagoano de 37 anos demonstra toda a segurança que adquiriu ao longo de sua trajetória. “No começo, eu não sabia dosar a medida da interpretação para televisão. Foi algo que aprendi fazendo. Tive sorte de entrar em projetos que me permitiam tranquilidade para desenvolver os personagens”, explica ele.

A oportunidade para integrar o elenco da novela de Aguinaldo Silva surgiu durante a última temporada de “Malhação”, onde interpretava o professor João Luiz. Investindo em televisão com mais afinco nos últimos anos, Erom não hesitou em participar dos testes para o folhetim das nove – mesmo que isso significasse abdicar das férias. As gravações de “Império” começaram na semana seguinte ao fim da trama infantojuvenil. “Para trabalhar, não tenho preguiça. Foi um papel que me interessou muito e estou cercado pela equipe incrível do Rogério Gomes”, elogia.

Na trama, o ator vive o correto namorado da sensível Cristina, papel de Leandra Leal. Completamente apaixonado pela mocinha, está sempre ao seu lado nas horas difíceis e faz de tudo para ajudá-la.

No entanto, terá de disputar a jovem com o aspirante a chefe de cozinha Vicente, de Rafael Cardoso. “Meu personagem é completamente devotado para a Cristina. Essa chegada do amor de infância dela vai balançar a história. Ele vai lutar bastante para não perder a namorada”, revela Erom Cordeiro.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave