Amazon quer fazer entrega sem pilotos

iG Minas Gerais |

A Amazon, maior varejista online dos Estados Unidos, pretende usar drones para fazer entregas de pequenas encomendas em uma área de até 16 quilômetros a partir do centro de distribuição. Como o uso civil do equipamento não é regulamentado no país, a expectativa é que esse tipo de operação só seja possível dentro de quatro ou cinco anos.

Assim como a Amazon, várias empresas já anunciaram a intenção de usar os veículos aéreos não tripulados para fazer entregas, mas ainda não há nenhum caso concreto. Os drones menores podem voar a uma velocidade de 70 km/h. (APP)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave