Excesso de peso aumenta risco de câncer

Tumor no útero foi o que teve maior relação direta com ganho de peso

iG Minas Gerais |

Expectativa é de 3.700 novos diagnósticos de câncer a cada ano
FERNANDO DONASCI/FOLHA/ARQUIVO
Expectativa é de 3.700 novos diagnósticos de câncer a cada ano

RIO DE JANEIRO. O excesso de peso eleva o risco de desenvolver dez dos tipos de câncer mais comuns, de acordo com o mais abrangente estudo já realizado sobre a relação entre obesidade e câncer, publicado na Grã-Bretanha. Em um artigo na revista de medicina “Lancet”, os cientistas da London School of Hygiene and Tropical Medicine afirmam que o país teria 12 mil casos de câncer a menos por ano se ninguém estivesse acima do peso.

Se os níveis de obesidade continuarem a aumentar, estimam os pesquisadores, 3.700 novos diagnósticos de câncer serão feitos anualmente. A pesquisa monitorou alterações na saúde de 5 milhões de pessoas que vivem na Grã-Bretanha durante sete anos.

Os autores descobriram uma relação direta entre o aumento de peso – de 13 a 16 kg em adultos – e o crescimento do risco de desenvolver seis tipos de câncer. O câncer de útero foi o que teve o maior aumento de risco. Depois vieram os de vesícula, rim, colo do útero, tireoide e a leucemia – que teve o menor aumento do risco. “Houve uma grande variação no efeito do IMC sobre diferentes tipos de câncer”, disse Krishnan Bhaskaran, que coordenou a pesquisa.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave