Agüero também renova com Manchester City até 2019

Clube inglês tenta garantir seu futuro ao manter três dos responsáveis pela base da equipe nas últimas temporadas

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Aguero terá que interromper ótima sequência no city, com 19 gols em 20 jogos
Facebook/Divulgação
Aguero terá que interromper ótima sequência no city, com 19 gols em 20 jogos

Depois do zagueiro belga Kompany e do meia espanhol David Silva, agora foi a vez do atacante argentino Sergio Agüero assinar um novo contrato com o Manchester City. Nesta quinta-feira, ele prorrogou seu vínculo com o clube inglês até 2019, assim como seus dois companheiros já tinha feito nos dias anteriores.

Com a decisão, o clube inglês tenta garantir seu futuro ao manter três dos responsáveis pela base da equipe nas últimas temporadas. Kompany, destaque da Bélgica na Copa do Mundo, é o xerife da zaga, David Silva é considerado grande maestro do meio-campo, enquanto Agüero é o principal atacante do time.

"Este clube é especial, os fãs, o estádio, a comissão técnica, a atmosfera... A visão de futuro e o caminho que estamos percorrendo são as razões que explicam porque eu quero ficar aqui, para ganhar troféus e continuar fazendo história", disse o atacante argentino, ao comemorar a renovação de contrato.

Ao acertar sua permanência no clube, Agüero celebrou também o fim dos rumores sobre seu futuro. "Sempre houve boatos sugerindo que eu voltaria a jogar na Espanha", disse o ex-jogador do Atlético de Madrid. "As pessoas ouvem isso por aí e acabam acreditando, mas agora posso dizer aos fãs do City que podem relaxar. Ficarei aqui até o fim do meu contrato."

Desde sua chegada ao time de Manchester, em 2011, Agüero vem sendo uma das peças fundamentais da equipe. Tanto que esteve em campo nas principais conquistas do time, ao lado de David Silva e Kompany, no Campeonato Inglês em 2011/12 e na temporada passada, na Copa da Inglaterra em 2010/11, na Copa da Liga Inglesa em 2013/2014 e na Supercopa da Inglaterra, em 2012.

Ao todo, o argentino marcou 75 gols em 122 partidas pela equipe. Na temporada passada, sua contribuição foi mais modesta por causa das lesões. Mesmo assim, ajudou o time a buscar o título inglês pela segunda vez em apenas três anos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave