Abel lamenta queda do Inter e diz que Ceará mereceu

Treinador garantiu que não deixou o torneio em segundo plano, mesmo após a derrota por 2 a 1 no jogo de ida

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Lucas Uebel/Vipcomm
undefined

O técnico Abel Braga lamentou a eliminação do Internacional na terceira fase da Copa do Brasil ao perder para o Ceará por 3 a 1, no Castelão, mas também reconheceu que o adversário mereceu avançar. O treinador poupou Juan, Willians, Alex e D'Alessandro, mas garantiu que não deixou o torneio em segundo plano, mesmo após a derrota por 2 a 1 no jogo de ida, em Porto Alegre.

"Lamento porque entramos com o objetivo de seguir na Copa do Brasil. Mas tivemos desfalques que não puderam atuar por causa da sequência de jogos. Eles corriam o risco de se lesionar. Não poupei ninguém. Não podia escalá-los. Mas não temos o que reclamar, pois o Ceará foi melhor. Agora vamos trabalhar forte e procurar manter o bom momento no Brasileirão", disse.

Com a queda, o Inter volta completamente as suas atenções para o Campeonato Brasileiro, torneio em que o time ocupa a vice-liderança, com 28 pontos. O próximo compromisso será sábado, no Serra Dourada, diante do Goiás, e Abel projeta uma recuperação imediata. "Vamos trabalhar forte agora e tentar este momento bom que estamos vivendo no Brasileirão", afirmou.

A diretoria do Inter adotou discurso parecido e demonstrou que não está muito preocupada com a participação do time na Copa Sul-Americana, indicando que o torneio continental deve ser deixado em segundo plano, com o foco voltado para o Brasileirão.

"É óbvio que não estamos contentes com o resultado. Precisamos melhorar muito, e esta melhora tem que ocorrer já agora no sábado, contra o Goiás. Nosso foco neste momento é o Brasileirão. A Sul-Americana iremos pensar depois, quando soubermos quem será o adversário", comentou o vice-presidente de futebol Marcelo Medeiros.

Leia tudo sobre: abel bragainternacionaladmitecearamereceuvitoriacopa do brasil