Bombeiros descobrem buraco e podem encontrar fragmentos de corpos

Capitão Marcos Palumbo afirmou que maquinário pesado terá de ser utilizado para escavar o buraco, pois há escombros de muro no local

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O porta-voz do Corpo de Bombeiros, capitão Marcos Palumbo, disse às 23h desta quarta-feira (13) que as equipes de busca descobriram um buraco de aproximadamente três metros de profundidade onde pode estar enterrada parte da cabine do Cessna 560XL, prefixo PR-AFA, que caiu em Santos e matou o candidato à presidência pelo PSB, Eduardo Campos. De acordo com o oficial, há a possibilidade de encontrar mais fragmentos de corpos dos sete mortos no acidente caso seja confirmado que a cabine está no local.

Palumbo afirmou que maquinário pesado terá de ser utilizado para escavar o buraco, pois há escombros de muro no local. O capitão contou que o avião pode ter se chocado de bico no chão e depois se partido, o que pode explicar o buraco e o possível local em que a cabine está.

Equipes de busca e peritos ainda trabalham no local, bairro na região central de Santos. A aeronave caiu em uma área residencial por volta das 10h da manhã.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave