Aécio lembra última mensagem e exalta relação com Campos

"É uma perda enorme. Estamos todos absolutamente abalados", disse o candidato do PSDB à Presidência da República

iG Minas Gerais | Da Redação |

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, lembrou em discurso a última mensagem de Eduardo Campos, no dia dos pais, e reiterou as relações que os dois possuíam, embora em partidos diferentes. Leia o discurso: "Hoje é um dia de imensa tristeza para todos os brasileiros, para todos aqueles que acreditam na boa política. Eduardo era um dos maiores representantes da boa política e essa tristeza é muito maior para aqueles que conviveram com Eduardo. Convivi com Eduardo por mais de 20 anos e tenho por ele uma admiração que não terminará com sua morte trágica. Convivemos muito por vários momentos da vida nacional, fomos governadores juntos, E Eduardo fará uma falta imensa. O fato de estar em partidos diferentes nunca impediu que conversássemos sempre sobre aquilo que interessava ao Brasil.  Logo que pousei em Natal, no Rio Grande do Norte, soube da tragédia sem informações definitivas, me veio à mente a imagem da Renata, dos filhos, e meu pensamento e o da Letícia era pra ele. Eduardo tinha uma família feliz, coesa. Guardarei com muito carinho a última mensagem, agora no dia dos pais, cumprimentando pela chegada do Bernardo, meu filho, e desejando saúde, força para continuar na caminhada. Eu retribui, obviamente, desejei paz, saúde, sucesso e cumprimentei pelo seu aniversário. É uma perda enorme. Estamos todos absolutamente abalados. Perde a política brasileira, mas sua família é que precisa agora das nossas orações, da nossa força. Portanto, estou aqui ao lado dos meus companheiros , cancelei nossa programação, nossa agenda, ainda sem definição de dia para recuperarmos. Infelizmente é uma perda que doi fundo no coração de todos nós. Eduardo sempre foi um homem valoroso, homem público especial, um grande amigo.

Leia tudo sobre: eleiçãoeleições2014aécio neveseduardo campos