Suspeita de intoxicação leva 90 funcionários da Vale ao hospital

Somente na parte da manhã, mais de 80 empregados terceirizados pela mineradora em MG apresentaram sintomas como dor abdominal, vômito, diarreia e mal estar depois do café da manhã fornecido pela empresa

iG Minas Gerais | ENNIO RODRIGUES |

Nesta quarta-feira (13), cerca de 90 empregados terceirizados da mineradora Vale já foram encaminhados para os hospitais da cidade de Itabira, na região central do estado, com forte suspeita de intoxicação alimentar. Depois do café da manhã fornecido pela empresa, os funcionários começaram a apresentar sintomas de intoxicação alimentar: dores abdominais, ânsia de vômito, diarréia e mal estar.

Os trabalhadores são de empreiteiras contratadas pela mineradora e trabalham na instalação de uma Usina de beneficiamento de minério em Itabira. O Hospital Carlos Chagas foi uma das instituições que mais recebeu os funcionários. De acordo com a diretoria do local, cerca de 85 pessoas foram atendidas por volta das 9h da manhã e, no período da tarde, outras oito já foram recebidas na unidade de saúde.

Segundo informações do hospital, nenhum deles apresentou caso grave, sendo medicados por via oral ou intramuscular. Durante o atendimento, não relataram nenhuma alimentação além da fornecida no refeitório interno da Vale. A empresa alega que já está investigando junto à Vigilância Sanitária de Itabira as causas do incidente.

Atualizado às 14h30.

Leia tudo sobre: intoxicação alimentarvalemineração