Foguetes atingem prisão e libertam detentos na Ucrânia

A fuga da prisão só foi possível depois que uma subestação que fornecia eletricidade ao complexo foi danificada, desativando o sistema de alarme

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Foguetes atingiram uma prisão de alta segurança na cidade ucraniana de Donetsk, controlada atualmente por insurgentes. A ofensiva desencadeou um motim e permitiu que mais de 100 detentos fugissem do local, disseram as autoridades da região.

A fuga da prisão só foi possível depois que uma subestação que fornecia eletricidade ao complexo foi danificada, desativando o sistema de alarme.

O porta-voz do conselho da cidade de Donetsk, Maxim Rovinsky, afirmou que um tiro direto de foguete matou pelo menos um detento e deixou outros três gravemente feridos. Em meio ao caos o representante afirmou que 106 detentos escaparam, incluindo algumas pessoas condenadas por assassinato, roubo e estupro.

Na semana passada, as forças do governo ucraniano intensificaram suas operações militares e sitiaram Donetsk, a maior cidade controlada pelos rebeldes no leste da Ucrânia. As trocas de disparos de foguetes e mortes por bombardeios se tornaram uma característica da vida diária do local e centenas de milhares pessoas decidiram deixar a região.

Fontes do serviço penitenciário da Ucrânia disseram mais tarde nesta segunda-feira que 34 presos haviam retornado à prisão, contudo ainda não houve confirmação oficial deste número. 

Leia tudo sobre: PrisãosegurançaMundoUcrâniaRebeldesConflitofoguetesfuga