Esquiva vence e Jacobs é campeão após superar câncer

Em sua estreia no peso médio-ligeiro, brasileiro nocateou norte-americano Malcom Terry; entre os médios, cinturão ficou com Danny Jacobs

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Vitória de sábado mantém a invencibilidade de Esquiva Falcão entre os profissionais
Facebook/Reprodução
Vitória de sábado mantém a invencibilidade de Esquiva Falcão entre os profissionais

Medalhista de prata entre os médios nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, Esquiva Falcão foi muito bem na sua estreia no peso médio-ligeiro. Na noite de sábado, em Glendale, nos Estados Unidos, o brasileiro derrotou o norte-americano Malcom Terry por nocaute, em luta definida no segundo round.

A vitória de sábado mantém a invencibilidade de Esquiva Falcão entre os profissionais, com quatro triunfos em quatro lutas, com dois nocautes. Já o cartel do seu oponente é bem mais modesto, agora com seis vitórias e quatro derrotas em dez combates.

Na noite de sábado, Esquiva começou bem agressivo, com vários golpes na linha da cintura e alguns no rosto do norte-americano. Malcom sentiu os socos, chegou a se ajoelhar, o que levou o árbitro a abrir contagem. O norte-americano voltou para a luta e seguiu sendo massacrado pelo brasileiro até o fim do primeiro round.

A vitória de Esquiva seria garantida logo depois. Com 50 segundos de segundo round, ele acertou um direto com a esquerda no queixo de Terry, que caiu. O árbitro, então, encerrou a luta, definindo a vitória por nocaute do brasileiro.

DANNY JACOBS - Também na noite de sexta-feira, o norte-americano Danny Jacobs fez história ao conquistar o título dos médios da Associação Mundial de Boxe. O cinturão foi assegurado com a vitória sobre o australiano Jarrod Fletcher, em luta realizada na cidade de Nova York. O triunfo por nocaute foi definido no quinto round.

Jacobs descobriu em maio de 2011 que era portador de um tumor na coluna cervical, que limitava seus movimento das pernas. Ele, porém, conseguiu superar o câncer e retornou ao boxe em outubro de 2012. Agora, conquistou o título mundial e soma 28 vitórias e uma derrota no seu cartel.